A nossa lavagem em… 3,2,1!

A nossa lavagem em… 3,2,1!

Pelo nosso blog vão encontrar vários artigos relacionados com a lavagem das fraldas reutilizáveis, mas sendo um dos temas que mais dúvidas suscitam resolvi mostrar-vos e falar uma vez mais como é que fazemos cá em casa.

DSCF8584 (004)c

1 – Coloco as fraldas sujas no saco impermeável para balde, este é o da Piriuki com fecho em baixo, basta abrir e sai tudo na máquina, sem precisarmos de sujar as mãos.

DSCF8569 (004).JPGDSCF8573 (004).JPG

2 – Cerca de 18 fraldas, dobro dos absorventes e toalhitas estão dentro da máquina e prontas para serem lavadas.

DSCF8576 (004)

2- Na gaveta, na zona do detergente coloco uma medida cheia de Rockingreen (Hard). Neste caso como achei que tinha muitas fraldas coloquei mais um bocadinho de detergente. A dose de detergente deve ajustar-se à quantidade de fraldas e absorventes que se tem para lavar.

DSCF8578 (003).JPG

DSCF8580 (005)DSCF8579 (003)

3- Escolho o programa Sintéticos com Pré Lavagem. A Pré Lavagem é muito importante! Nesta fase a máquina vai passa-las cerca de 20 minutos por água e retirar resíduos de cocó e o excesso de xixi dos absorventes. Assim, quando a lavagem é iniciada as fraldas já não estão tão sujas tornando mais eficaz a ação do detergente. Se quiserem ler mais sobre a importância da pré lavagem consultem este post: https://ecologicalkidsblog.com/2014/05/06/pre-lavagem-obrigatoria/

DSCF8581 (005)

4 – Este programa por defeito tem associada uma temperatura de 40ºC e centrifugação de 1200 rotações. Mas se eu quisesse poderia mudar. Às vezes, para secarem mais depressa ponho a centrifugação em 1400.

5- Seleciono a opção ECO que é mais demorada mas gasta menos energia

6 – E para finalizar escolho ainda fazer um enxaguamento Extra (botão extra ali no cantinho direito). Gosto de ter a certeza que o detergente é mesmo bem retirado e não ficam resíduos no tecido.

DSCF8583 (004)

Todas estas fases são programadas logo no início da lavagem que no total tem uma duração de 2h29m. A minha máquina tem capacidade para 8 kg e lavo só fraldas.

DSCF8582 (004).JPG

É importante que a máquina não vá extremamente cheia, estará tudo tão apertado que dessa forma a água e detergente não conseguem chegar a todos os cantinhos dos tecidos (é quase como se lavássemos as nossas mãos com elas fechadas, dentro não ficariam bem lavadas).

Contudo, também não devemos lavar só meia dúzia de fraldas pois aí não se vão esfregar convenientemente e como tal ficarão também mal lavadas. É fundamental colocar fraldas suficientes para que exista fricção ou caso se tenha poucas fraldas se misture outra roupa para que essa fricção exista.

O ideal é  encher a máquina até sobrar o espaço de um palmo de uma mão. Não se esqueçam também de ajustar a dose de detergente à quantidade de fraldas que vão lavar.

Escolham programas de lavagem intensivos! Lembrem-se que as fraldas estão muito sujas, os absorventes retêm muito xixi que por vezes estão 2 ou 3 dias à espera de serem lavados. Por isso faz toda a diferença que o programa escolhido seja de lavagem intensiva, seja indicado para roupa bastante suja e demore pelo menos 60 min.

Nestas 2h29 que a máquina esteve a lavar aproveitei para fazer outras coisas, inclusive passear e brincar com o João.

DSCF8585 (003).JPG

 

Depois da lavagem concluída, tirei tudo para o cesto da roupa e pus a estender na varanda.

DSCF8587 (003).JPG

DSCF8588 (003).JPG

Aproveitar que a chuva nos deu tréguas estes dias!

E vocês, como é a vossa lavagem das fraldas, alguma dica que queiram partilhar? Satisfeitas/os com as Vossas máquinas? Dúvidas?

Até ao próximo post!

Carla.

Amónia?

Se entrou neste mundo maravilhoso das fraldas reutilizáveis 🙂 vai notar que existe um produto que se chama anti amónia que se utiliza às vezes na lavagem das fraldas, e que por vezes as mães falam que as fraldas cheiram a amónia.
Então achei importante falar sobre o que é isto do cheiro a amónia 🙂

Primeiro, como é o cheiro a amónia? é um cheiro parecido com o sonasol, é um cheiro tão forte que até traz lágrimas aos olhos 🙂
Vai sentir este cheiro quando as fraldas já estão à alguns dias no saco para balde e especialmente nas fraldas da noite (pois são as que retêm mais xixi)

Para ilustrar este post escolhemos a foto, super divertida que a nossa super querida cliente Telma E.Santo nos enviou para o passatempo do dia do Pai do ano passado :-)

Para ilustrar este post escolhemos a foto, super divertida que a nossa super querida cliente Telma E.Santo nos enviou para o passatempo do dia do Pai do ano passado 🙂

Mas como é que isto acontece?
O nosso corpo converte a amónia em ureia, pois esta é menos agressiva, e se bebermos  muita agua e fizermos xixi frequentemente a ureia não tem tempo de ser converter novamente em amónia e como está diluida não se sente o cheiro, mas quando exposta ao ar ela transforma-se novamente em amónia, e uma molecula de ureia pode se transformar em duas moléculas de amónia, por isso tende a ficar mais forte quanto mais tempo temos as fraldas para lavar.

O que é normal no cheiro a  amónia?
O cheiro a amónia é normal e se lavarmos as fraldas de dois em dois dias corre tudo bem, e só temos de sentir o cheiro a amónia quando colocamos as fraldas na maquina.

Mas o cheiro a amónia também nos pode dar indicação que uma fralda está cheia de minerais de xixi e a lavagem precisa de ser revista, como?
Se as fraldas cheiram bem após a lavagem e depois de secar mas cheiram muito a amónia assim que o bebé faz xixi na fralda isto signifca que estão  e cheias de minerais de xixi e apenas sentimos o cheiro quando o xixi toca nos minerais  e ativa o cheiro a amónia.

O que fazer para prevenir?
– Fazer sempre pré lavagem sem detergente (sempre que lavar as fraldas)
– Sempre que as fraldas estiverem mais que dois dias para lavar coloque Anti amónia na pre lavagem (se não tiver anti amónia faça um enxaguamento extra no final da lavagem)
– Os absorventes são o elemento da fralda que mais pode reter os minerais de xixi, especialmente nas fraldas que escolherem para a noite, o ideal será fazer de vez em quando como prevenção uma lavagem a alta temperatura dos absorventes (apenas os absorventes nunca as fraldas).

Assim, o que fazer caso as fraldas estejam cheias de minerais de xixi?
Caso as fraldas já estejam assim recomendamos que façam uma lavagem a alta temperatura dos absorventes, tal como no post seguinte.
Caso não seja suficiente coloque os absorventes de molho em anti amónia ou na falta deste em Rockin Green durante uma hora em agua bastante quente
Faça de seguida uma lavagem normal.

E vinagre?
Não deve ser utilizado vinagre em fraldas que estejam assim pois neste caso o vinagre pode ativar mais ainda o cheiro, para além disso o vinagre pode danificar os elásticos e camada impermeável das fraldas. Assim embora o vinagre seja perfeito para outras lavagens domésticas no caso da amónia não deve ser utilizado.

Fraldas Reutilizáveis novas

Quando já temos um ou dois sacos cheios de lindas fraldas reutilizáveis novas o que fazer? 🙂

DSC00282

Quando compramos as fraldas o primeiro passo é separar os absorventes.
Os absorventes que têm molas podemos abri-los e abrir as fraldas que estavam ajustadas no tamanho mais pequeno, de seguida colocamos tudo na máquina, na gaveta do detergente colocamos apenas uma colher de Rockin Green e fazemos uma lavagem normal no máximo até 40ºC.
DSC00283
Esta primeira lavagem não precisa de pré lavagem ao contrário das lavagens quando as fraldas têm xixi e cocó, nessa fase a pré lavagem sem detergente é um passo obrigatório.

abas das fraldas de velcroÉ importante ter em atenção às fraldas velcro às quais se deve recolher as abas, de forma a não se agarrarem às outras fraldas durante a lavagem, as fraldas de molas não necessitam este passo.
Após a lavagem podemos estender as fraldas e absorventes (as fraldas de bolso e fraldas de capa basta mesmo lavar uma única vez, os absorventes se possível lavar pelo menos 3 vezes).

Quando está tudo seco, devemos primeiro ajustar as fraldas no tamanho que queremos e ajustar a absorção colocando um ou mais absorvente dentro do bolso ou dentro da capa, ou ajustar o absorvente que já está na fralda no caso das fraldas tudo em um.
E já estão prontas a utilizar!

A maioria dos clientes compra cerca de 6 absorventes de noite. caso opte pelos absorventes de algodão e/ou bambú, basta que os lavem tal como acima descrevo, juntamente com as fraldas, já os os absorventes de cânhamo devem ser lavados mais vezes e se possível sem ser com as fraldas. O cânhamo tem um óleo natural que deve sair do absorvente e não deve estar em contacto com o tecido das fraldas, e assim sendo deve passar por essas 3 a 5 lavagens de preparação. Basta que os vamos lavando com a restante, sempre que temos de fazer uma maquina, afinal de contas o Rockin Green é mais do que um detergente para fraldas, é um detergente ótimo para toda a roupa em geral.

Bastam estes passos simples e as fraldas estão preparadas para serem utilizadas 🙂

Nota: Estes passos são apenas para a primeira lavagem. A partir do momento em que começam a ser utilizadas apenas se ajusta o tamanho para adpatar ao bebé de acordo com o crescimento, isto, é as fraldas são lavadas sempre com a altura ajustada.

O meu método de lavagem das fraldas

Como já devem ter percebido cada pessoa tem o seu método, um programa preferido na maquina e uma rotina que com o tempo descobriu que se adapta melhor a si.

Gostava de partilhar o meu método e rotina pois funcionou sempre na perfeição (para mim claro!)
Eu tenho mesmo muitas fraldas 52 tal como já tinha dito aqui embora não ganhe à Carla que tem 62 (acho que 63 pois comprou a monster da blueberry 🙂 O fato de ter muitas fraldas permite-me não ter de estar preocupada se lavo de 2 em dois dias ou quatro em quatro, assim quando tinha fraldas suficientes no balde para fazer uma maquina colocava a lavar, a minha maquina é de seis quilos e lavo 12 a 14 fraldas com o dobro dos absorventes e as toalhitas (que estão misturadas no balde).

Quem tem umas 30 fraldas deve lavar de dia sim dia não até aos 5, 6 meses e a partir daí de dois em dois dias.
Coloco duas colheres de Rockin green, tenho uma maquina de lavar Bosh WFT 2400, carrego no botão de pré lavagem, no programa B a 40ºC este programa tema  duração de 84 minutos. (o Rockin Green preciso de no mínimo 60 minutos para activar  principio ativo).
Untitled 43

A função da pré lavagem sem detergente é a de permitir que entre agua no tambor da máquina e saía levando a maioria do xixi e cocó, este passo é importantíssimo e obrigatório em todas as lavagens de fraldas, no caso das maquinas que não têm pré lavagem pode-se substituir pelo programa curto de lavagem sem detergente ou pelo extra enxaguamento (geralmente 15 ou 20 minutos) e de seguida fazer a lavagem habitual.
Esta pré lavagem também vai permitir que quando se faz a laavgem efetiva esta nap seja uma mistura de xixi, detergente e água, assim na maioria será agua e detergente.

Uma regra importante é que não se deve escolher os programas delicados, pois as fraldas estão sujas e devem ser mesmo lavadas com uma boa batida do tambor da maquina pois vai permitir que se esfreguem umas às outras e que assim, fiquem bem lavadas.

E pronto, estendo as fraldas no estendal interior porque infelizmente o meu prédio não tem estendal exterior e eu não tenho varanda e passado umas horas estão prontas a usar, assim, resumindo o meu método:
1- Pré lavagem sem detergente
2 – lavagem a quente (máx.40ºC) com duas colheres de sopa de Rockin Green num programa sempre com mais de 60 minutos.

E que rotina funciona convosco?

Rotina de Lavagem

Acho que tenho fraldas suficientes para estar uns 5 dias sem as lavar 🙂 mas normalmente lavo-as de 2 em 2 dias no máximo 3, porque não gosto que estejam muito tempo acumuladas com o xixi.

Faço uma máquina com mais ou menos 20 fraldas, respetivos absorventes e toalhitas.

Tenho uma máquina de lavar siemens, não é propriamente recente pois já pertencia aos antigos proprietários da casa onde resido.

Considero-a um pouco limitada a nível de funcionalidades, por exemplo, a opção de pré-lavagem na minha máquina só é possivel associada a um programa de 60ºC, por isso não o posso utilizar, pois as fraldas devem ser lavadas no máximo até 40ºC!

Então seleciono primeiramente um programa de lavagem mais curto, a frio, sem detergente, em que as fraldas passam por várias águas de maneira a que quase todo o xixi e cocó seja retirado.

Depois inicio outra lavagem num programa intensivo (2 h) a 40ºC, com 2 colheres de rockin green. Por vezes, se vir que ainda é comportável, coloco juntamente com as fraldas a cobertura do muda fraldas, toalhas, ou outra roupa, sem que a máquina fique extremamente cheia, pois assim a lavagem não fica bem feita.
DSCF0510

As fraldas até agora têm ficado branquinhas e a cheirar a lavado! Já experimentei 2 aromas de detergente e a conclusão a que cheguei é que ficaram a cheirar ao mesmo, a lavado , isto é a nada 🙂
Utilizo o rockin green em toda a roupa do meu bebé!

Mais ou menos por volta das 3/4 semanas de vida do João, ele chorava muito e com receio que fosse fome dei-lhe algumas vezes suplemento de LA. O cocó ficou com uma cor esquisita, muito escuro. Nessa fase tive algumas fraldas e absorventes que ficaram manchados, mas a secar no estendal na varanda virados para a luz natural voltaram a ficar branquinhos!.
Nem é preciso estar sol, mesmo estando nublado, a chover, basta a luz do dia para branquear ou atenuar as manchas. Parece magia!

Tenho uma varanda bastante espaçosa, por isso tenho resistido à tentação de comprar uma maquina de secar, muito também pela questão da pegada ecologica.

Seco tudo no estendal na varanda e quando está a chover ponho o estendal na sala que está sempre aquecida e tudo seca num instante.
As fraldas secam numas horas e os absorventes se os puser à noite no dia seguinte de manhã estão secos.
Os de bambu demoram mais e os ergonómicos da Piriuki Luxe também.
DSCF0499 DSCF0498

O dia em que escolhemos o Rockin Green

Corria o ano de 2011 e nos bastidores da Ecologicalkids  havia um imenso burburinho, iria chegar o salvador das fraldas entupidas, o detergente ecológico Rockin Green!

Este tinha sido o ano em que sem explicação aparente começámos a  receber pedidos de ajudas de clientes relacionados com a absorção fraldas. Clientes novos que começaram a usar, clientes antigos que já usavam fraldas há mais de um ano e clientes que já estavam a chegar ao desfralde e que de um momento para o outro começaram a ter “fugas”. Teria que existir uma explicação que ligava todos estes clientes e após um despiste e várias conversas percebemos que a questão toda se centrava no detergente. O detergente que sempre compraram e escolheram nas idas habituais ao supermercado e que sempre resultou impecavelmente tinha deixado de funcionar. Porquê, perguntaram-nos muitos??? Nós arregaçámos as mangas e fomos investigar!

Resultado? O detergente tinha mudado de fórmula e esse factor alterou a rotina de lavagem e tornou mais e mais difícil a remoção correcta dos resíduos que se foram acumulando até entupir os tecidos e os tornar impermeáveis, provocando em ultimo caso a indesejável fuga!

Detergente Rockin Green nas nossas prateleiras da Loja Ecologicalkids de Lisboa

Detergente Rockin Green nas nossas prateleiras da Loja Ecologicalkids de Lisboa

Não podíamos deixar a situação arrastar-se, os clientes ficarem desiludidos e os nossos bebés desconfortáveis (porque muitas vezes os resíduos de detergente podem provocar alergias, principalmente em bebés com peles atópicas) e decidimos procurar no mercado uma alternativa Green, com componentes naturais, de fácil aplicação, que não danificassem as fraldas Ecologicalkids nem as propriedades dos seus tecidos, seguro para o bebé, a preços acessíveis, e que pudéssemos recomendar sem receios de que mudasse a fórmula em qualquer altura (já que os detergentes não são obrigados a comunicar quaisquer alterações). Depois de pesquisar exaustivamente e de muito testar e comprovar chegámos ao nosso Rockin Green. Pequeno mas concentrado, eficaz e eficiente, que permite lavar sem complicar, ecológico e cheio de Rock, agora que penso nisso até é um bocado parecido comigo :P…

Lembro-me do dia em que ele chegou aos armazéns… Fomos todos lá espreitar, chegámos mesmo a duvidar que lá dentro coubessem as tais 90 colheres de sopa, a Tânia até chegou a medir em casa!!! Algumas embalagens vinham tão inchadas e duras tipo pedra, até suspeitámos que tinham ficado estragadas da viagem, mas depois descobrimos que a embalagem tinha uma “válvula” que permitia que o ar circulasse e que algumas estavam entupidas, mas que bastava um toque para que o ar circulasse e o “efeito pedra” desaparecesse. Hoje as embalagens de Rockin Green já não têm essa válvula. Passadas 2 semanas já não tínhamos embalagens, os clientes gostaram tanto que num ápice desapareceu das prateleiras e agora não pode faltar nas nossas Lojas!

Chegaram a apelida-lo de “O Salvador das Fraldas”, hoje sabemos que não é exagero!