10 Decisões para o Bebé, o Planeta e a Carteira – Decisão 1 e 2

10 Decisões para o Bebé, o Planeta e a Carteira – Decisão 1 e 2

Novo Ano, novos planos, novas metas, novos desafios. É no início do ano que fazemos um balanço do que passou, do que conquistámos e do que queremos conquistar. Parece que sempre que um novo ano começa que a nossa força de vontade ganha ainda mais fôlego. Muitos de nós definimos como meta poupar mais e as razões são várias, ainda mais quando temos ou iremos ter um bebé (ou mais um) . Neste momento de balanço estamos nós prontos a começar o novo ano, para sermos melhores pessoas, melhores exemplos e melhores pais.

Um bebé representa sempre mais gastos a ter em conta. Será que conseguimos diminuir despesas, mas não no conforto do bebé nem no nosso e ainda ajudar o planeta? Claro que sim!

Existem pequenos gestos que fazemos no dia-a-dia e que têm um impacto no nosso bolso e no planeta. Com o ano a começar vamos dar 10 dicas para ajudar a poupar este ano e ainda ajudar o planeta, sempre a pensar no melhor e mais confortável e saudável para o bebé.

1 – Usar fraldas reutilizáveis – Sempre que muda a fralda do seu bebé estará a deitar cerca de 0,25 centimos ao lixo já pensou nisso? Para além do fator económico existe também o fator de conforto,pois o seu bebé estará 24 horas em contacto com papel e plástico, imaginem um penso higiénico gigante 24 horas por dia durante cerca de 2,5 anos. Por vezes mudar de perspectiva ajuda-nos a pensar em soluções que até aí pareceram não existir. Longe das antigas fraldas de pano as novas fraldas reutilizáveis são feitas em materiais suaves e fáceis de manter, fáceis de colocar e são super absorventes. Feitas em materiais resistentes, laváveis e respiráveis as fraldas reutilizáveis do século XXI afastam o xixi do bebé e absorvente durante longas horas. Várias marcas disponibilizam um tamanho único que permite que a mesma fralda se ajuste dos 3,8 Kgs até aos 17 (sensivelmente 3 anos). Leram bem, o mesma fralda ajusta-se e cresce com o bebé e serve do nascimento ao desfralde. Em vez de terem vários tamanhos apenas um, imaginem como seria bom que os bodies e babygrows do nosso bebé se pudessem ajustar até aos 3 anos! Quem já tem bebés sabe como crescem rápido! Optar pelas fraldas reutilizáveis pode ajudar-nos a poupar cerca de 1300 euros num primeiro bebé e mais de 3200 num segundo filho. Verdade, para além de serem ajustáveis as fraldas podem ainda serem usadas num segundo bebé, tal como outra peça de roupa. Bastam 30 a 36 fraldas e vez de cerca de 7800 fraldas que irá usar durante 2,5 anos (pelo menos)! Conseguirmos uma poupança destes valores nos primeiros anos do bebé tem já um grande impacto no nosso bolso, para já nem falar da pegada ecológica. Sabiam que uma fralda descartável demora cerca de 500 anos a decompor-se e que cada bebé irá produzir uma tonelada de resíduos só em fraldas descartáveis? Incrível como algo que usamos por hora demora tanto tempo a desaparecer na natureza!

Poupe mais de 1300 euros em fraldas!

Poupe mais de 1300 euros em fraldas!

Veja em pormenor as contas no nosso site

2 – Discos de Amamentação Reutilizáveis – A amamentação é uma fase importante da vida da mãe e do bebé. Neste momento os nossos seios irão ficar mais sensíveis e por vezes irritados e gretados. É importante ter em conta o bem estar da mãe também ajudará na amamentação do bebé, por isso é importante cuidarmos da saúde dos seios. Os discos descartáveis têm um gel super absorvente, à semelhança das fraldas descartáveis e dos pensos higiénicos e ao absorverem a humidade absorvem tambem a humidade natural da pele, por isso os nossos seios ficam ainda mais secos e sensíveis. Para além deste incómodo, muitas vezes (no verão principalmente) o disco tem tendência a colar-se à pele e a ser doloroso remover, para além de muitas vezes ter um cheiro característico (tipo leite azedo). Na maioria das vezes iremos mudar cada vez que damos de mamar, pois não nos sentimos confortáveis ou seja iremos em média 8 a 10 discos por dia, caso a amamentação dure até aos 6 meses de idade do nosso bebé precisaremos de cerca de 1.440 discos, tendo em conta que cada disco descartável custa em média 13 cêntimos iremos gastar só em discos de amamentação cerca de 187,20 euros. Optar por discos de amamentação reutilizáveis, feitos em algodão suave, impermeáveis, respiráveis, que não se notam através do soutien e que respeitam a pele do mamilo significa poupar no mínimo 171,21€ pois apenas precisaremos de 6 discos que custam 15,99€. Caso a amamentação dure mais tempo estes valores são ainda mais significativos.

Clique aqui para conhecer os nossos discos de amamentação reutilizáveis.

 

Nos próximos dias vamos falar de mais 8 dicas para um ano mais poupado, mais ecológico e mais saudável para o bebé.

Discos de amamentação reutilizáveis

A minha experiência de amamentação foi muito positiva, amamentei até aos 18 meses do meu filho, a Organização Mundial de Saúde recomenda que o façamos até aos 2 anos, mas devido a um anti inflamatório tive mesmo de deixar aos 18 meses, acho que me custou mais a mim que ao meu bebé que se adaptou muito bem a mim custou-me pois adorei a experiência, adorava aquele momento em que estavamos ali a olhar um para o outro sossegados 🙂

Os discos de amamentação são importantes pois quando estamos a dar de mamar numa das mamas a outra está constantemente a pingar (será que somos feitas para gemeos?), para além disso quando já está a passar da hora de dar de mamar ou o nosso bebé está num dia de choramingice as nossas mamas tendem a ficar inchadas de tanto leite e começam novamente a pingar 🙂

A vantagem dos discos de amamentação reutilizáveis é a de absorverem apenas o leite que pinga e não a humidade natural da pele, mantendo desta forma a pele mais resistente e não secando o mamilo, desta forma evitam-se os mamilos gretados.

Os discos de amamentação descartáveis têm no seu interior o mesmo gel das fraldas descartáveis, este gel absorve não só o leite como a humidade da pele fazendo com que esta fique seca e mais sensivel, para além disso o facto de o ar não circular deixa no mamilo um cheiro e sabores desagradáveis para o bebé.

A mim bastou um pack de 6 discos, as vezes lavava-os com as fraldas outras lavava-os à mão no lavatório.
Quando estava fora de casa guardava os discos molhados numa bolsa para toalhitas ou no saco de transporte.

Na ecologicakids, temosdiscos de amamentação  de algodão com camada impermeável que é fundamental para não molharmos a roupa.
Têm a vantagem de serem anatómicos, exatamente com o design recomendado pela Organização Mundial de Saúde.

discos de amamentação reutilizáveis

discos de amamentação reutilizáveis

Os meus discos estão como novos mesmo após 18 meses de utlização diária 🙂

E como foi a vossa experiência de amamentação? e até quando conseguiram dar de mamar?

o bebé ecologicalkids gabriel

GabrielRecebemos mesmo agora a visita da mamã Carina Felizardo com o seu Gabriel, quase com 2 meses.
O Gabriel tem uns olhos lindos, é um bebé que se porta muito bem, não gosta de adormecer ao colo e fica sossegadinho no berço, mama de 4 em 4 horas e já dorme 4 horas seguidas.

DSC08638_1_2
Tem ganho bem peso e já tem 4680Kg.
A mamã Carina partilhou que o seu bebé já utiliza as fraldas tamanho único desde os 3600Kg e que até acha relaxante estar sentada a colocar os absorventes nas fraldas 🙂 até ao momento a fralda preferida é a Blueberry.
Lava sempre com Rockin Green, uma colher e visitou-nos pois precisa de mais fraldas pois como tem poucas ainda tem de fazer uma máquina todos os dias.
Diz que desta fase só se sente mais cansada ao final do dia devido à privação do sono, mas que no geral se sente muito bem.
Podemos confirmar que a mamã Carina está uma elegância 🙂
Utiliza os discos de amamentação que considera muito absorventes e está a gostar muito.
Adorámos recebê-los e a mamã Carina estava com um ar tão feliz!

Tânia