Slings: bebés mais felizes

Já falamos do choro do bebé em alguns posts e, como compreendemos o impacto que o choro pode ter na auto-estima e no cansaço dos pais, achamos importante falar-vos sobre mais uma das técnicas utilizadas para aumentar a ligação e o conforto entre pais e bebés!

Cada pai, à medida que vai conhecendo o seu bebé vai encontrando várias estratégias para lhe garantir o máximo conforto. Existem brinquedos que emitem o som do útero materno, muitos pais associam uma música durante a gravidez e colocam-na já após o nascimento quando o bebé está agitado, a Carla já nos falou no “milagre” do som do secador de cabelo para acalmar o seu João!

Hoje optamos por vos falar sobre os slings ou porta-bebés!

Especialistas um pouco por todo o mundo recomendam que a mãe transporte o seu bebé, desde o primeiro dia, o máximo tempo possível. Os estudos comprovam que quando transportados em contacto com o corpo da mãe, os bebés sofrem menos de ansiedade de separação, choram menos e desenvolvem a sua independência numa idade mais precoce.

Ao transportarmos o nosso bebé ao colo estimulamos o seu desenvolvimento motor, cognitivo e emocional. O estímulo emocional vem da constante ligação que se cria entre a mãe e o bebé, enquanto usamos o sling. O estímulo cognitivo e, o facto de se tornarem mais independentes está relacionado com o tipo de posição em que o colocamos. Isto porque na cama, no carrinho ou no ovo, o bebé não tem grande alcance visual mas, quando colocado no sling na posição de anca ou de descoberta (virado para a frente) vai-se habituando ao contacto com o mundo exterior que o torna mais receptivo a novos estímulos e mais calmo perante o que o rodeia. O desenvolvimento motor é estimulado pela posição vertical em que o bebé fica no sling. Além disto, a posição vertical permite ao bebé ter os músculos das pernas relaxados e a barriga envolvida com firmeza, o que facilita a respiração do bebé e torna o sistema digestivo mais eficiente, aliviando o refluxo e as cólicas. Tudo isto sem ficarmos com os braços dormentes nem com dores nas costas!

Papoozle packaging shoot with Beth, Leigh and Jenna

O porta-bebés da Papoozle, já foi premiado três vezes como melhor sling!

– Para além do pano, inclui uma estrutura de fixação da cintura para que se faça uma distribuição correta do peso enquanto transportamos o bebé.

– Tem vários pontos de ajuste para poder ser utilizado quer pela mãe, quer pelo pai.

– Permite ser utilizado em várias posições dependendo das nossas necessidades e do nosso bebé incluindo: encostado, virado para dentro, na anca, na posição de descoberta e na posição de amamentação.

Os slings podem ser utilizados desde o nascimento até aos dois anos (14kg)!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s