E se disséssemos que pode transportar o seu bebé sem utilizar as mãos?

 

piriuki-sling-bebe-3-baja

Quantas vezes diz ao longo do dia a famosa frase “faltam-me mãos?” Ou “só tenho duas mãos!”

Apresentamos, neste post, alguns cenários nos quais o Sling vai salva-las de todas as situações nas quais repete aquela frase. Vejam como é facil, a partir de agora, sair dos seguintes apuros:

Situação 1:

Temos que ir as compras e precisamos usar o carrinho ou a cesta do supermercado. É literalmente impossível que, com duas mãos, que se consiga levar o carrinho do bebé, mais o do supermercado ou cesta e, além disso, a mala do bebé. Isso para não falar no caso de ter mais do que um filho. Graças aos Slings podemos levar as mãos livres enquanto levamos ao o nosso bebé ao colo. Uma maravilha!

Situação 2:

Temos que de amamentar e estamos num lugar onde não nos sentimos muito confortáveis para fazê-lo. Todos sabemos que dar de mamar é o acto mais natural do mundo, mas podem ocorrer determinadas situações em que não nos sentimos tão a vontade. Com os Slings podemos dar de mamar ao bebé mais tranquilas, pois o tecido do sling tapa ligeiramente o peito.

Situação 3:

A posição ideal para que o bebé expulse os gases e evite as cólicas é ficar numa posição vertical. Se reparamos, com o Sling levamos sempre o bebé numa posição óptima para fazer a digestão, apesar de podermos colocar o Sling de forma ao bebé ficar numa posição horizontal (deitado), ideal também para os recém nascidos.

Situação 4:

Se nos faltam mãos com um bebé, Quantas faltam com mais do que um? Levar uma criança de mão dada e levar a outro no carrinho, com a mala e os brinquedos do filhote mais velho começa ser uma tarefa complicada. Com o Sling podemos levar um deles na mão (pois com o sling levamos as mãos livres), a mala de maternidade ao ombro e, ainda uma mão livre para levar bonecos e outros brinquedos!

Situação 5:

Já temos dores nas costas, pois levamos sempre o bebé ao colo. É verdade que os bebés são pouco pesados e adoramos tê-los pertinho de nós, mas começam a pesar e as nossas costas já se queixam! Com o Sling o bebé vai ficar situado no centro do nosso corpo e não vamos carregar o peso só num dos braços. Assim, o peso do bebé fica mais distribuido e a sensação de peso vai ser menor, sendo que pode ser usado desde que o bebé é recém nascido até alcançar os 15 Kg, aproximadamente os 3 anos de idade.

Situação 6:

O nosso bebé está na etapa na qual já anda e gosta de mexer em tudo, pelo que se coloca em perigo. Além disso, anda devagar e cansa-se com muita facilidade, assim temos que levá-lo ao colo às vezes. Sim, já não pesa como antes, agora é muito mais pesado! Como o Sling se pode guardar facilmente, podemos levá-lo sempre connosco se sairmos de casa sem carrinho, para podermos usá-lo nesses momentos.

Situação 7:

Queremos dar um passeio e sentirmos que estamos mais livres. Livres como antes do bebé chegar ao mundo: sem levar coisas connosco como se fossemos de férias 10 días. Mas, muito cuidado, pois não podemos correr nem realizar atividades perigosas enquanto transportamos ao bebé no Sling. É muito seguro como forma de transporte, mas devemos tomar algunas precauções.

Situação 8:

O nosso bebé não pára de chorar e nós, que já levamos um tempinho com ele ao colo a tentar que durma, estamos a ver o relógio passar e pensamos em tudo o que temos para fazer e não se faz sozinho. Com o Sling podemos dar um jeito à casa, estender a roupa ou até cozinhar enquanto o bebé se acalma. Uma das grandes vantagens é que permite a interacção e o contato mãe/filho, tão importante na primeira etapa de vida do bebé, na qual o sentido do olfato está tão desenvolvido e na altura em que o cheiro da mãe é cheiro é o seu preferido, produzindo uma sensação de calma e segurança.

Situação 9:

Vai ser o papá, os avós ou os tíos quem leva o bebé ao colo. Não há problema, pois o Sling adapta-se, também, a quem o leva, por poder ser ajustado, pois só falta ajustar o tecido a fazer mais ou menos pressão.

Situação 10:

Perfeito paraa usar a andar de metro, o autocarro e se és um pãe/mãe todo terreno. Todos sabemos o dependentes que passamos ser quando nos encontramos perante uma grande escada com um carrinho de bebé. Com o Sling, podemos ser independentes subir e descer escadas, assim como retirar a carteira da mala sem parecer que estamos a brincar à Caça ao tesouro.

Sentem-se identificados/as com alguma destas situações?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s