Fraldas de recém-nascido, vale a pena o investimento?

As fraldas mais procuradas pelos pais são sem dúvida as fraldas de tamanho único, uma vez que servem a partir dos 4 kg e dão normalmente até ao desfralde. Têm por isso uma larga margem de utilização que permite uma maior rentabilidade do valor investido.

Mas para quem quer usar fraldas reutilizáveis desde o nascimento e dar o máximo de conforto ao seu bebé as fraldas de recém- nascido são a melhor opção.

Ficam mesmo ajustadas ao tamanho de um bebé pequenino sem fazerem muito volume e ainda servem mais ou menos até aos 5 kg.

O João nasceu com 3,240 kg e eu utilizei as fraldas recém-nascido até aproximadamente os dois meses do João. Claro que por serem fraldas mais pequenas têm uma capacidade de absorção mais limitada e por isso a muda da fralda deve ser feita com bastante frequência ou então reforça-las com mais absorventes a partir do momento em que nos apercebemos de que o bebé começa a fazer mais xixi.

29012013802

Tinha 12 fraldas de recém-nascido, que é o minino recomendado, e davam-me apenas para um dia, tal era a quantidade de xixis e cocós no primeiro mês!

Como já tinha as fraldas de tamanho único comecei também a usa-las ainda o João não tinha 4 kg, para poder encher a máquina e ter mais alguma margem de manobra.

Embora o volume das tamanho único nunca me tenha feito confusão, sempre que tinha as fraldas de recém-nascido disponíveis eram as que eu preferia usar para ir às consultas ou outras saídas porque ficavam mais ajustadas e as roupas serviam melhor.

Por uma questão de saúde e conforto dos nossos filhos o investimento valerá sempre a pena. 🙂 Afinal é nesta fase que eles têm a pele ainda mais sensível e delicada.

E fazendo as contas, a nível económico acaba também por compensar, comparando por exemplo com as fraldas bio degradáveis em que um pack de 20 fraldas de recém-nascido custa 7,49€.

Usei as fraldas de recém-nascido até ao limite, a partir de uma certa altura só durante o dia e com a absorção reforçada.

Lembro-me do aperto no peito que senti quando as tive de arrumar definitivamente na caixa de roupa que já não servia… O meu bebé tinha crescido! É bom eles crescerem, escusava era de ser tão depressa 🙂

E elas lá estão arrumadas, à espera de serem usadas novamente por um irmão ou irmã do João. Gostava tanto! 🙂

 

 

 

 

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s